João Di Souza

Representação comercial.

Formou-se em Administração, mas nunca exerceu esta profissão para dedicar-se a arte. Paisagens tropicais fantásticas em telas de grandes dimensões são convites para que o olhar se delongue, desvendando os meandros entre lúdico e erótico. A juventude do artista em meio risco bioma do interior baiano é resgatada através destes trabalhos, em que memória e imaginação se mesclam em composições de atmosferas calorosas e úmidas. Tais naturezas fantasiosas - veredas quimeras - provocam múltiplos perspectivas, que instigam o deslumbramento pelo desconhecido. Pinturas de amplas medidas, maiores do que a vista compreende, são preenchidas por contornos, volumes e reentrâncias que sugerem corpos ocultos entre troncos e raízes, cores e formas. A sensualidade é latente sob camadas de tintas a óleo, confluindo figura e fundo num fenômeno de constante descoberta. João Di Souza aborda em sua produção a questão do tempo da observação, tão relevante à contemporaneidade. Apoiando em referenciais do realismo mágico e da desconstrução da forma, apresenta imagens que demandam uma entrega do espectador à experiência de ser e estar em relação à arte.

Rua Oscar Freire, 2250 cj. 306/307  05409-011 – São Paulo/SP 

Segunda à Sexta

10h às 19h